Search Images Maps Play YouTube News Gmail Drive More »
Sign in
Books Books
" Sim, Augusto Senhor, é impossível que os habitantes do Brasil, que forem honrados, e se prezarem de ser homens, e mormente os Paulistas, possam jamais consentir em... "
Compendio da historia do Brasil - Page 24
by José Ignácio de Abreu e Lima - 1843
Full view - About this book

O padre amaro, ou Sovéla, politica, historica, e literaria [ed. by ..., Volume 5

Padre amaro - 1820 - 434 pages
...facçoens internas, que procurem atacar a segurança publica, ea uniao reciproca das provincias! l, que forem honrados, e se prezarem de ser homens, e mormente os Paulistas, possam ja mais consentir em taes absurdos e despotismos : sim, Augusto Senhor, VAR deve ficar no Brazil, quaesquer...
Full view - About this book

Historia do Brasil, desde o seu descobrimento por Pedro Alvares ..., Volume 2

Francisco Solano Constancio - 1839 - 502 pages
...conta oito milhões. rança publica , ea união reciproca das provincias ! « Sim, Augusto Senhor, he impossivel que os habitantes do Brasil que forem honrados...prezarem de ser homens , e mormente os Paulistas, possão jámais consentir em taes absurdos e despotismos. Sim, Augusto Senhor, Vossa Alteza Real deve...
Full view - About this book

Tratados Convencoes Contratos E Actos Publicos Celebrados Entre A Coroa De ...

Julio Firmino Judice Biker - 1879 - 906 pages
...ea união reciproca das provincias! Sim, augusto Senhor, he impossivel que os habitantes do Brazil que forem honrados e se prezarem de ser homens, e mormente os Paulistas, possam jámais consentir em taes absurdos e despotismos; sim, augusto Senhor, Vossa Alteza Real deve ficar...
Full view - About this book

Revista do Instituto histórico e geográfico de São Paulo, Volumes 7-8

Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo - Brazil - 1903 - 616 pages
...união reciproca das províncias. «Rim, Augusto Senhor, é impossível que os habitantes do Brasil, quo forem honrados e se prezarem de ser homens, e mormente...paulistas, possam jamais consentir em taes absurdos e despotismo. Sim, Augusto Senhor, Vossa Alteza Real deve ficar no Brasil, quaesquer que sejam os projectos...
Full view - About this book

Cartas de D. Pedro: Principe Regent do Brasil a seu pae D. Joao VI, Rei de ...

Pedro I (Emperor of Brazil) - Brazil - 1916 - 172 pages
...facções internas, que procurem attacar a segurança publica, ea união reciproca das Provincias! Sim, Augusto Senhor, é impossivel que os habitantes...que forem honrados, e se prezarem de ser homens, e mórmente os Paulistas, possam jamais consentir em taes absurdos e despotismos: sim Augusto Senhor,...
Full view - About this book

O anno da independencia ...

Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro - Brazil - 1922 - 560 pages
...Lugar-Tenencia, que seu Augusto Pay, nosso Rey, lhe concedera ? Sim, Augusto Senhor, é impossível que os habitantes do Brasil que forem honrados, e...mormente os Paulistas, possam jamais consentir em taes . . abusos e despotismos; sim, Augusto Senhor, VAR deve , ficar no Brasil, quaesquer que sejam os projectos...
Full view - About this book

Os Andradas: obra commemorativa do 1.0 centenário da independência do Brasil ...

Alberto Sousa - Brazil - 1922 - 908 pages
...Porlugueses de ambos os Mundos". E em tom decisivo, peremptório: "Sim. Augusto Senhor, é impossível que os habitantes do Brasil, que forem honrados, e se prezarem de ser homens, c mormente os Paulistas, possam jamais consentir em tacs absurdos c dcspo*imos. Sim, Augusto Senhor,...
Full view - About this book

Revista do Instituto histórico e geográfico de São Paulo, Volume 7

Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo - Brazil - 1903 - 604 pages
...atacar a segurança publica ea união reciproca das províncias. «Sim, Augusto Senhor, é impossível que os habitantes do Brasil, que forem honrados e...paulistas, possam jamais consentir em taes absurdos e despotismo. Sim, Augusto Senhor, Vossa Aliena Real deve. ficar no Brasil, quaesquer que sejam Ob projectos...
Full view - About this book




  1. My library
  2. Help
  3. Advanced Book Search
  4. Download EPUB
  5. Download PDF