Page images
PDF
EPUB

leguas: porque supposto que vai fazendo em paragens algumas chans a modo de taboleiros, sempre vai subindo, e tornando á mesma aspereza; ainda que em nome diversa, chamada em uma das paragens, Praná Piacá Mirí, e logo em outra Cabarú Parangaba; e tudo é a mesma serrania. E finalmente vai subindo sempre até chegar ao raso dos campos, e a segunda região do ar, e onde corre tão delgado, que parece se não podem fartar os que de novo vão a ella. A grande copia de alagoas.fontes,e rios; a formosura de bosques, brutescos, e arvoredos; a diversidade de hervas e flores; a variedade de animaes terrenos e voadores; as apparencias admiraveis da compostura da penedia posta em ordem desigual; desde o principio (parece) da criação do mundo; a riqueza dos mineraes de ferro, cobre, chumbo, e ainda ouro, prata, e pedraria; tudo isto, se se houvéra de escrever em particular pediria leitura mui diffusa.

149 Indo eu subindo com meu companheiro o meio desta serra nos divertiu um estrondo extraordinario, e desusado, do mais intimo della. Parecia-nos que ouviamos o grande boato de muitas peças de artilheria juntas, que pelas quebradas dos montes fazia o som mais medonho. E perguntando nós um ao outro o que seria? não soubemos a que attribuir cousa tão nova: mas perguntando logo aos indios que comnosco vinham, disseram pela lingua brasiliea: Ita aé cerá: Parece que é estrondo de pedra. E foi assim; porque passados dias se achou o lugar, onde arrebentara um penedo de circumferencia consideravel, que das entranhas, com o estrondo dito, como gemidos de parto, brotou a luz um thesouro pequeno. Era este uma pinha, do tamanho e fórma do coração de um touto, cheio por dentro de pedraria de diversas côres: umas brancas como de transparente crystal, outras roxas de fina côr, outras entre branco e roxo, ainda imperfeitas, ao que parecia, e não acabadas de formar da natureza. Todas estas estavam dispostas em ordem, quaes bagos de romaa em seu pomo, dentro de uma caixa, ou casca tão dura, que excedia o mesmo duro ferro, E como é arremeçada a força, ou com a violencia do bojo d'onde sahe, ou com o golpe dos penedos com que encontra, se desfaz em pedaços, e mostra aos homens seus baveres.

150 A philosophia destes successos é sabida; porque como a operação do sol e natureza, para haver de vir a formar o parto mais polido d'aquella fina pedraria nas entranhas de um penedo tosco, é força que reduza alguma maior quantidade de seu interior a menor qualidade da pedra que pretende gerar, que quanto é mais fina, tanto mais dura é; e quanto mais dura, tanto mais partes é força que comprehenda em menor espaço; e como não soffre a natureza vacuo, nem é possivel passar o ar o grosso do pe

nedo para soccorrel-o: no mesmo ponto em que a força do sol é tanta, que chega a querer causar vazio em prol da obra, que tem entre mãos; resiste por outra via a natureza, e nesta luta arrebenta o bojo da pedra, e fica a obra imperfeita.

Aqui no mais patente destes campos, junto a um rio, e perto da vivenda dos indios, escolheram os padres o sitio para seu collegio, e por bom annuncio do futuro, disseram nelle a primeira missa aos 25 de Janeiro, dia da conversão do sagrado Apostolo S. Paulo; de cujo nome quizeram todos se denominasse o sitio, e depois se denominou a villa, e territorio todo.

151 O modo da pobreza, e edificação religiosa, com que aqui começaram a viver estes obreiros da vinha do Senhor, descreverei pelas mesmas palavras, com que o pinta o mesmo irmão José de Anchieta: e diz assim a letra. Aqui se fez uma casinha de palha, com uma esteira de canas por porta, em que moraram algum tempo bem apertados os irmãos; mas este aperto era ajuda contra o frio, que naquella terra é grande com muitas geadas. As camas eram redes, que os indios costumam; os cobertores o fogo, para o qual os irmãos commummente, acabada a lição da tarde, iam por lenha ao mato, e a traziam ás costas para passar a noite. O vestido era muito pouco, e pobre, sem calças, nem sapatos, de panno de algodão. Para mesa usaram algum tempo de folbas largas de arvores em lugar de guardanapos: mas bem se escusavam toalhas, onde faltava o comer, o qual não tinham donde lhes viesse, senão dos indios, que lhes davam alguma esmola de farinha, e ás vezes (mas raras) alguns peixinhos do rio, e caça do mato. Muito tempo passaram grande fome, e frio: e com tudo proseguiram seu estudo com fervor, lendo ás vezes a lição fóra ao frio, com o qual se haviam melhor, que com o fumo dentro de casa. Até aqui José. Esta mesma substancia com pouca mudança escreveu o mesmo a Roma a nosso padre Ignacio de Loyola, em carta sua feita em Agosto do mesmo anno, em que imos de 1554. E diz assim no mesmo Latim em que a escreveu. A Januario usque ad præsens nonnumquam plus viginti (simul enim pueri catichestæ degebant) in paupercula domo luto et lignis contexta, paleis cooperta, quatuordecim passus longa, decem lata mansimus. Ibi schola, ibi valetudinarium. ibi dormitorium, cænaculum item, et coquina, et penus simul sunt: nec tamen amplarum habitationum, quibus alibi fratres nostri utuntur, nos movet desiderium; siquidem Dominus noster Jesus Christus in arctiore loco positus est, cùm in paupere præsepi inter duo bruta animalia voluit nasci; multo verò arctissimo cùm in Cruce pro nobis diguatus est mori.

152 Aqui nesta pobreza se abriu a segunda classe de grammatica que teve o Brasil (porque já na Bahia se tinha aberto uma) frequentavam-na nossos irmãos, e bom numero de estudantes brancos, e mamelucos, que acudiam das villas circumvizinhas. Lia esta

classe o irmão José de Anchieta: occupação em que perseverou alguns annos, com grande aproveitamento de seus discipulos, e com maior opinião de sua santidade. O trabalho era excessivo: ainda naquelle tempo não havia nestas partes copia de livros, por onde podessem os discipulos aprender os preceitos da grammatica.

a

153 Esta grande falta remediava à caridade de José á custa do seu suor, e trabalho, escrevendo por propria mão tantos quadernos dos ditos preceitos, quantos eram os discipulos que ensinava; passando nisto as noites sem dormir, porque os dias occupava inteiros nas obrigações do officio: e acontecia não poucas vezes romper a manhã, e achar a José com a penna na mão.

154 Não paravam aqui seus trabalhos, era de vivo engenho, e era insaciavel sua caridade, e de uma, e outra cousa tirava grandes forças. No mesmo tempo era mestre, e era discipulo, e os mesmos lhes serviam de discipulos, e mestres; porque na mesma classe fallando Latim, alcançou da falla dos que os ouviam a mór parte da lingua do Brasil, que brevemente aperfeiçoou com tal excellencia, que pôde reduzir aquelle idioma barbaro a modo c regras grammaticaes, compondo artes dellas, tão perfeita, que approvada dos mais famosos linguas, foi dada á impressão, e tem scrvido de guia, e mestra daquella faculdade aos que depois vieram, com proveito, e facilidade, e della á lição particular em alguns collegios da Provincia. Além da arte, fez vocabulario da mesma lingua: traduziu a doutrina christã, e mysterios da fé. dispostos a modo de dialogo, em beneficio dos indios cathecumenos e fez tratado, interrogatorios, e avisos necessarios para os que houvessem de confessar, e instruir, principalmente no tempo da morte, aos já baptizados; deixando alivio com seus trabalhos aos que em tempos vindouros se houvessem de occupar no trato de salvar estas almas.

155 Era destro em quatro linguas, Portugueza, Castelhana, Latina, e Brasilica: em todas ellas traduziu em romances pios, com muita graça, e delicadeza, as cantigas profanas, que então andavam em uso; com fructo das almas, porque deixadas as lascivas não se ouvia pelos caminhos outra cousa senão cantigas ao divino, convidados os entendimentos a isso do suave metro de José. Aprendeu a fazer alpargatas de cardos bravos, que serviam em lugar de sapatos. Juntamente a sangrador; com que foi causa da vida a muitos, porque não bavia na terra o tal officio. Aprendia em fim em um mesmo tempo José todas as artes, modos, e traças, com que podia ser de alivio a seus irmãos naquelle desterro do mundo, e a qualquer dos outros homens sem differença; porque a todos se estendia aquelle seu dilatado bojo da caridade: a todos ensinava, consolava, e mettia em seu coração; e tudo são principios. depois verá o mundo seus prodigios.

156 Não era este com tudo o principal intento de José, e mais obreiros: á conversão da gentilidade era a que alli os trouxé

ra emprimeiro lugar. Todos em casa, todos fóra della, todos volantes andavam no serviço dos indios; levantavam elles então suas casas, que por mandado de Nobrega tinham começado: estas lambem ajudáram a fazer os religiosos com suas proprias mãos; crescia a obra, e crescia á medida della o fervor da doutrina christă. Fizeram juntamente igreja de taipa de mão, coberta de palha, accommodada a occasião do tempo.

157 Aqui começaram a fazer os officios divinos, ensinar a doutrina duas vezes no dia, instruir os que haviam de ser baptizados, e celebrar os casamentos á lei dos christãos, dando de mão á multidão das mulheres dos contratos de sua gentilidade. Pasmavam os indios de ver a perfeição das cousas sagradas; e á fama desta igreja, e daquella agua que leva ao Céo, como dizem, cresciam cada dia, deixando seus sertões.

158 Dos primeiros que alli principiáram, e aperfeiçoáram suas aldeas, os dous principaes foram Martim Affonso Tebyreça, e João Cái Uby senhor de Jaraibatygba já muito velho, o qual deixando no sertão parentes, casas, e roças, veio a viver junto aos padres em uma pequena choupana, para bem de sua alma. Daqui partia, não sem grande trabalho por sua idade, ao lugar primeiro em busca de mantimento, e colhido este tornava sem demora : e o que é mais de admirar, que não ia vez alguma, sem pedir licença aos padres, esem se despedir de N. Senhora na igreja; e levava destinados os dias, no fim dos quaes apparecia diante dos padres a dar razão de si; e nesta boa fé, c simplicidade, sendo doutrinado, catechizado, e baptizado, perseverou este honrado velho até sua morte, semelhante á vida, com esperança de sua salvação. O mesmo foi de Martim Affonso, como depois veremos: e a exemplo destes famosos indios desceram tantos de seus sertões, que não cabiam já em a aldêa.

159 Para mais facil catechismo de tanta gente, ordenou o padre Nobrega que viessem da villa de S. Vicente aquelles meninos filhos dos indios, que como já dissemos, tinham alli criado os padres em Seminario de boa doutrina, e sabiam já ler, escrever, e cantar muitos delles foram estes de grande ajuda a toda a sua gente, continuando na nova aldea sua escola, e ajudando a beneficiar os officios sagrados em canto de orgão, com destreza, e instrumentos musicos (o mór gosto, e incitamento que podia haver para os pais). As traças que usavam, eram as seguintes. Juntavam-se à noite a cantar pelas casas cantigas de Deos em propria lingua, contrapostas ás que elles costumavam cantar vaas, e gentilicas: com os padres ajudavam a catechizar: na escola instruiam aos seus iguaes, assim em doutrina, como em ler, escrever, e cantar; e vinham a ser quasi mestres destes. Todos os dias pela manhãa no fim da escola cantavam na igreja as Ladainhas dos Santos, e á tarde a Salve-Rainha, com outras pias orações em canto de orgão: ás sextas-feiras açoutavam-se com disciplinas, que todos faziam de linho de cardos:

duas vezes no dia davam lição da doutrina christaa, e em breve tempo nesta fórma foram baptizados com toda a solemnidade possivel passante de trinta destes meninos (e eram mais de cento os que esperavam semelhante fortuna) com grande festa, e applauso, e não menos exemplos dos pais: com os quaes com tudo os padres iam mais devagar, porque arraigassem bem nas cousas da Fé, e desarraigassem de seus ritos gentilicos, especialmente das muitas mulheres, e vinhos, que são os vicios que mais costumam perturbal-os, e instigal-os a grandes desarranjos. Nestes vicios a nenhuns tinham mais contrarios que seus proprios filhos; porque estes, com zelo já christão, vigiavam os pais, e os accusavam aos padres, e ajudavam a lhes quebrar as talhas de vinbo em suas bebedi

ces.

160 Em todos os bons principios costuma satanaz entrepôr seus embustes na materia da salvação das almas: assim o fez aqui, primeiro com doenças, logo com odios, e por fim com guerras: e foi desta maneira. Estando as cousas nesta bella paz, começou a apoderar-se dos pobres indios uma como peste terrivel de pleurizes, com tal rigor, que era o mesmo acomineter, que derribar, privar dos sentidos, e dentro de tres ou quatro dias levar á sepultura. Deste trabalho se ajudou o inimigo, mettendo em cabeça a esta gente simples (como já em outras occasiões) que os padres lhes causavam a morte, que não morriam assim em seus sertões, e outros semelhantes embustes, sem razão, mas com effeito, e tal, que se viram os padres em grande aperto, e o discurso da conversão em perigo. Recorreram a Deos, e ordenáram nove procissões aos nove coros dos Anjos; com a maior solemnidade possivel iam nellas todos os sãos, homens, e mulheres com luzes de cera em as mãos, os meninos da escola com cruzes ás costas, e disciplinando-se muitos até derramar sangue : e á vista desta piedade iam trocando aquelles barbaros os conceitos, porque á medida della parava a furia da doença. Outro meio humano entreveio, e foi, que vendo os padres que o mal era força de sangue, e não havendo na terra medico, ou sangrador, nem ainda lancetas, começaram alguns, e o irmão José o primeiro, a aguçar seus canivetes de aparar pennas; e com elles, e com o zelo da caridade sangrando-os fizeram tal effeito, que raro foi o que dalli em diante morreu e os perigosos em breves dias melhoraram. A' vista de um e outro exemplo ficaram os indios de todo satisfeitos, e diziam, que a doença dava o diabo, e a saude davam os padres. Este meio de caridade, que com esta gente usamos, onde quer que com elles vivemos, em suas doenças,

uma das razões mais forçosas, que abranda sua natural fereza. Algum escrupulo houve entre os religiosos do exercicio das sangrias, pelo perigo de irregularidade: mandou-se perguntar a questão a Roma a nosso Santo Patriarcha Ignacio para successos semelhantes a resposta foi por estas palavras : Quanto ás sangrias

« PreviousContinue »