Page images
PDF
EPUB
[merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][graphic]

Z1686
R.6

325780

STANFORD LIBRARY

A EXPOSIÇÃO DE HISTORIA DO BRAZIL, feita pela Bibliotheca Nacional do Rio de Janeiro, é a execução d'um pensamento patriotico do ex.mo sñr. conselheiro barão Homem de Mello. A esse pensamento demos corpo, propondo ao Governo os meios de realiza-lo, e pondo à disposição de tão nobre causa não só os grandes recursos da Bibliotheca, sinão tambem a actividade e as provadas habilitações dos empregados d'este estabelecimento, com cujo zêlo e patriotismo nos-era licito contar. Não foi illusoria a esperança; a Exposição é um facto na historia litteraria do paiz, e o seu catalogo vê hoje a luz da publicidade, para dar aos coevos e vindouros idéa dos nossos trabalhos e do manancial que pudemos reunir.

Certo é que obra mais meditada e lavrada com mais tempo saïria com menos senões e lacunas; todavia não é menos verdade que o trabalho feito representa um ingente exfôrço, e que não obstante as suas máculas elle pode e ha de prestar notaveis serviços aos estudos historicos no Brazil, emquanto se não fizer segunda tentativa mais ampla e mais completa.

Ninguem ignora com que difficuldades luctam todas as idéas generosas ao nascer: a tibieza de uns, a má vontade de outros, a indifferença de quasi todos. Com o tempo esses obstaculos se -irão vencendo, a convicção calará no espirito do pôvo, e dia virá, estamos seguros, em que não haverá cidadão que se não apresse a vir trazer-nos as joias preciosas de seu escrinio para se-levantar á historia da patria o monumento que ella reclama.

.

Neste primeiro tentamen faltou muito o concurso dos particulares, e devo confessar que das provincias do Imperio pouquissimo nos-foi remettido; d'ahi os claros em certos periodos, d'ahi as collecções incompletas, a insufficiencia de noticias em relação a factos particulares de "historia local. Por isso mesmo mais: dignos de alto aprêço e profundo reconhecimento foram os contingentes recebidos do Pará, Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro e Minas-Geraes, assim como as informações ministradas por muitas Camaras Municipaes do Imperio, que acudiram pressurosas ao pedido que lhes-haviamos feito em circular de 2 de Janeiro de 1881.

Na Côrte merecem especial menção: S. M. o Imperador, que se-dignou de franquear-nos o seu Paço e a sua copiosa bibliotheca particular; as repartições públicas, que em bôa parte concorreram com preciosos documentos, e alguns intelligentes amadores, de cujas collecções auferimos livremente e a mãos largas o que nos-foi mister.

A consulta do Catalogo revelará claramente a quem neste particular mais devemos, e a quem devemos o melhor; o nosso reconhecimento entretanto é egual para com o magnanimo Imperante e para com os mais modestos contribuintes, pois que se-uniram todos em accorde e nobilissima cruzada a favor da idéa. Nesta justa de thesouros litterarios e artisticos não se-poderá dizer que houve vencedores nem vencidos, porque são todos benemeritos brazileiros, ou generosos amigos do Brazil.

A demora havida na remessa dos documentos fêz com que uns se-descrevessem á pressa, e outros ficassem excluidos do Catalogo; o primeiro facto justifica os lapsos que por ventura houverem escapado, e que o leitor benevolo e consciencioso relevará. Por sua parte a impressão de tão extenso trabalho foi feita quasi vertiginosamente para que não corressemos o risco de abrir a Exposição sem o seu catalogo — guia guia indispensavel aos estudiosos; mais outro motivo de excusa para as leves inexacções que nelle occorrem, e que, a fallar sinceramente, puderam ser maiores e mais numerosas, si não fôra a intelligente cooperação da officina, que tomou a seu cargo ésta publicação!

« PreviousContinue »